Indústria 4.0: manufatura aditiva ajuda a transformar projetos na RIO

17 de julho de 2020 Institucional Todas as Postagens

Seja por conta do seu alto potencial de transformar o fluxo de trabalho, seja pela sua capacidade de revolucionar a linha de produção das empresas, o fato é que cada vez mais a indústria se mostra interessada na manufatura aditiva. E esse movimento vem ganhando ainda mais força na medida em que as empresas do setor descobrem novas formas de explorar essas ferramentas, em especial a impressão em 3D!

Isso porque as impressoras 3D ficaram extremamente populares — e poderosas — nos últimos anos, principalmente nos mercados que trabalham com modelagem e prototipagem de componentes, já que é possível criar reproduções fiéis de peças originais com mais agilidade e rapidez.

Além disso, a impressão em 3D também é capaz de produzir modelos personalizados para diversos tipos de testes, ideal para quem precisa atender a demanda por peças e componentes originais. Não é à toa que, hoje, essa tecnologia já é utilizada na fabricação de automóveis e aviões, no desenvolvimento de implantes odontológicos, de próteses e várias outras aplicações que abrem portas para a inovação.

Conheça os principais benefícios da manufatura aditiva para a indústria

É verdade que a manufatura aditiva pode proporcionar diversas vantagens para as empresas que decidem adotar essa tecnologia. Um bom exemplo, como destacamos antes, são os protótipos mais detalhados e precisos. Esse tipo de diferencial, por exemplo, permite que uma empresa faça testes com uma versão mais realista dos produtos gastando muito menos. Assim, as versões finais são mais eficientes e atendem ainda melhor o consumidor.

Outra grande vantagem em usar esse modelo de fabricação é a velocidade com que os itens são construídos e ajustados. A produção é rápida e segue o modelo digital do objeto (uma espécie de planta bastante precisa contendo todos os dados relevantes do item). Essa agilidade permite um número maior de produtos sendo fabricados, testados e validados simultaneamente, tudo para atender as demandas do mercado de forma mais automatizada.

Além disso, a matéria-prima dessa produção é mais acessível do que as tradicionais. Afinal, com a manufatura aditiva, é possível fabricar os itens utilizando vários materiais diferentes em um único processo. Esse é um fator especialmente importante quando falamos em produção para a indústria, já que o mercado exige peças das mais variadas densidades, dimensões e resistências.

Fábrica de Protótipos da RIO: agilidade a serviço da inovação

Já vimos que a manufatura aditiva tem revolucionado o modus operandi de muitas empresas e é uma das tecnologias em ascendência na indústria 4.0. Nesse contexto, é claro que as equipes de automação e de engenharia da RIO colocaram a mão na massa para trazer ao mercado a nossa Fábrica de Protótipos, a solução da RIO em manufatura aditiva e impressão em 3D.

Por aqui, o trabalho segue a todo vapor, inclusive com reconhecimento nacional pelo serviço prestado. Mas, desta vez, convidamos o nosso engenheiro e gerente técnico de engenharia e qualidade, Felipe Goulart, para um bate-papo sobre a rotina de trabalho da Fábrica de Protótipos no que diz respeito à produção de componentes e modelos que atendem o mercado de peças originais (OEM)

Na conversa, Felipe conta que o grande diferencial da Fábrica de Protótipos da RIO está na soma de expertises. “Na RIO somos capazes de aliar todo o know-how técnico de uma empresa com mais de 70 anos de experiência no mercado automotivo com uma tecnologia de ponta em manufatura aditiva. Isso cria um cenário ímpar em que somos capazes de entregar velocidade e flexibilidade sem abrir mão da qualidade”, explica. Aqui, você pode conferir a entrevista na íntegra:

Felipe Goulart e a Fábrica de Protótipos

Viu só que interessante? Ah, e vale lembrar que nossas equipes de engenharia ainda aplicam vários softwares de simulação ao modelo projetado, tanto para simular o processo de fundição quanto para prever o processo de usinagem. Dessa forma, conseguimos antecipar eventuais falhas e realizar melhorias ainda na fase de projeto, minimizando as chances de erro!

“Nossas linhas de moldagem possuem uma grande flexibilidade quando pensamos na impressão em 3D. Isso porque nós conseguimos produzir desde itens de 20 gramas até peças de 200 quilos, tudo graças ao nosso portfólio com mais de 70 ligas diferentes de materiais. Assim, podemos propor uma série de alternativas ou melhorias de performance aos nossos clientes”, reforça Felipe.

Catálogo RIO

E quem trabalha no desenvolvimento de soluções originais sabe bem que esse tipo de flexibilidade contribui para a redução do time to market dos produtos, diminui os custos de produção e amplia a agilidade e eficiência com que novos projetos são desenvolvidos! É assim que a RIO ajuda sua empresa a criar movimento rumo à inovação! Quer saber mais sobre como inovamos para contribuir com o seu negócio? Acesse o nosso site ou entre em contato com a nossa equipe. Nós estamos à disposição!

Deixe um comentário

Você faz
a RIO

Sabia que vários de nossos produtos foram desenvolvidos especificamente em função de seus comentários?

Você, EXPERT, está na linha de frente e sabe do que está falando. Por isso, queremos ouvi-lo e criar novas soluções para facilitar o seu dia-a-dia.

Explore o site e fale conosco. Aqui você importa.
Use este formulário ou, se preferir, conecte-se aos nossos canais: